Dissipando o equívoco que olha para o erotismo como uma expressão de vulgaridade, o evento Kinky, que já existia no Second Life, mas agora está sob nova direção (GuilhermeD. Andretti Audrey Guter), apostou no novo e repaginou o evento. Podemos esquecer a visão convencional da relação entre duas pessoas, concebendo-o prazer em um rendez-vous de corpos.

 O evento pretendo evocar o lado fancy do erótico na dimensão da relação humana com a fantasia. Pornografia enfatiza prazer sem sentimento, Kinky é sensorial e pretende despertar paixões mensalmente com sua curadoria de marcas e produtos provocantes, tais como: decoração, poses, vestuário e acessórios para pessoas de todos os gênero, gostos e prazeres. O evento terá início no dia 25 de setembro, explore!



Dispelling the misconception that looks at eroticism as a vulgar expression, Kinky, an event that already existed in Second Life, but is now under new management (GuilhermeD. Andretti Audrey Guter), invested in new things and innovated in the event. We can forget the conventional view of the relationship between two people, conceiving pleasure on a rendez-vous bodies. 

The event intend to evoke the fancy side of the erotic dimension of the human relationship with the fantasy. Pornography emphasizes pleasure without feeling, and Kinky is sensory and to awaken passions monthly with amazing brands and provocative products such as decoration, poses, clothing, tattoos and accessories for people of all genres, tastes and pleasures. The event will begin on September 25th, explore!
Convido todos que curtem industrial, metal e ebm para vir curtir hoje no club Empusa no Second Life. Vou tocar na festa e prometo um setlist de fritar o cérebro! Para chegar no local basta clicar no e-flyer super legal que a DJ Persita montou para a festa, e ser teleportado para curtir o pancadão pesadão!



Muitos avatares do Second Life tem contas no Facebook, eu também tenho. Por lá vejo algumas postagens recorrentes, uma delas é sobre dicas de filmes e séries.

Recentemente encontrei uma série e curti bastante, como saiu em janeiro deste ano (2016), achei que poderia ser uma dica interessante para compartilhar no blog:

Outsiders - É sobre um clã bastante interessante que vive isolado em uma montanha. Os Farrel são uma mistura de motoqueiros com ciganos, nãotem dinheiro, não usam documentos, preservam a liberdade acima de tudo e respeitam somente as próprias leis e regras (no caso as da família Farrel).

Para o clã a montanha que vivem é sagrada e lhes pertence, mas para uma mineradora que consegue licitação para explorar carvão no local, a montanha também é uma fonte de bilhões de dólares.

Prometendo gerar empregos a mineradora que tem histórico ruim no mercado, sendo responsável por poluir e iludir populações de cidades vizinhas. O posicionamento da empresa divide opiniões e inicia uma guerra com o clã, que é bastante selvagem.

A série tem gatinhos e gatinhas, fotografia excelente, roteiro meio real meio místico, violência e já tem a segunda temporada confirmada. Então divirtam-se!

Se tem no Netflix? Não sei eu não uso, mas torço para que sim! ;)


Não achei o trailer com legenda em português, mas no site que segue tem para ver online e com legenda. http://seriesparaassistironline.org/category/outsiders



 👉 HOJE no clube FAMOUS vai ter festa Electro Swing 
 
 Set DJ Calina (Megazine).

Os melhores visuais no estilo vintage (1920 até 1960), vão ganhar relógios Mustache da loja  Z O O M e giftcards da loja Pacagaia CreationsBasta caprichar no look e vai ganhar! 

Emoticon sunglasses

Para quem curte os setlists que toco nas festas no Second Life, vale conferir o Mixclound que criei com músicas que meus amigos e convidados mais curtem. Seja perguntando o nome da banda/música, pedindo para tocar mais uma vez, dando tip ou somente elogiando, são vocês avatares que se expressam nos eventos o termômetro para quem gosta de tocar no game (DJ).



Vou tocar um setlist de rock indie HOJE (21:00) no pub Weeknd 👊

TP: http://maps.secondlife.com/secondlife/Legione/233/66/20



Se no Second Life controlamos avatares, neste game controlamos quem controla o avatar. 



Em Cibele, o jogador controla a jogadora. Você tem acesso ao desktop da protagonista do game, podendo abrir pastas e descobrir mais à respeito de sua personagem assim como ler e-mails recebidos, porém o grande desenvolvimento da história ocorre dentro de Valtameri, MMORPG no qual assumimos o controle de Cibele e conhecemos Ichi, o avatar do garoto que dá o tom do enredo.


Além das mecânicas básicas, a história fora do mundo virtual é contada por FMVs nas quais a própria Nina Freeman interpreta a protagonista, demonstrando suas inseguranças na hora de enviar uma foto sensual para o garoto ou com a ideia de encontrar esse desconhecido. 

Segundo a própria Nina em uma conversa com o site PC Gamer, sua participação direta nas gravações é uma forma de lidar com seus próprios sentimentos a respeito do relacionamento que dá origem ao game, explorando os detalhes de uma história muito íntima porém com um grande potencial de imersão.

Ler mais...


Rolou uma festa no WEEKND COFFEE e o som principal foi o rock alternativo e o indie rock, mas os clássicos do gênero de todas as décadas, principalmente dos anos 90, não ficaram de fora.
Foi uma noite legal, vibe tranquila e muitos amigos gostando do som (momento post-it: fazer meu Mixclound). Na próxima vou publicar o convite antes e deixar TP + serviço para quem curte o blog poder ir na festa.
Eu infelizmente não sei criar produtos sl para homenagear meus amigos mais queridos colocando seus nomes neles, pois eu faria se soubesse. Quem sabe crio um mixclound e monto playlists com nomes de amigx, quem sabe.


Mas essas duas kiridas que gosto muito, colocaram meu nome em seus sapatos e vendem em suas lojas, e me deixaram feliz por ser lembrada com carinho.

Obrigada Luna (M.Second - Store) pela Calina Boots e Pacagaia (Pacagaia Creations) pela Andel Boots. AMEI as surpresas! 

E para quem comprar, use e pise firme, pois já compram algo que nasceu com amor


[Pacagaia Creations] Andel Boots - Unisex
Marketplace: https://marketplace.secondlife.com/pt-BR/stores/101140


[M.Second] Boots Calina - Exclusive Dark Side
Open: April 9th Land: http://maps.secondlife.com/secondlife/Brewery/126/144/23


Emoticon colonthree
Emoticon hea
Se você gosta de montar looks vintage (valendo prêmios!), ouvir e dançar rockabilly e outros ritmos dos anos 50, acompanhe no Facebook e aqui divulgação da festa " The Weeknd - Rockabilly Party".

A primeira edição foi ótima e novas edições vão acontecer em breve. 











Rock & Roll | Rockabilly | Bluegrass | Doo-Wop | Electro Swing 
LIVEs de Calina (Freakish Music).

( ͡° ͜ʖ ͡°)








Weeknd Coffee é um lugar relaxante para desfrutar de agradáveis amigos e boa música.


A inauguração aconteceu no dia 02/04/16 e o local começou com o pé direito. Gente bacana compareceu e se divertiu muito, toquei uma playlist que foi de Sonic Youth até Wesley, em uma festa 99% indie, mas aquele 1% foi safadão!


O café faz parte da ilha Artaze, que é do talentoso artista conceito Gac Akina. Sendo uma land também ideal para fotos, fica aberta para visitações. TP.🚀



Aqui é meu canto. Vem quem quer, bem-vindos os de boa fé. #NaMoral

Trabalhei em muitos diferentes ideais e mudei de idéias, às vezes de estado e também emoção. Ainda que algumas mudanças tenham sido por curto tempo, e uma delas até tenha “inspirado” linhas tortas num roman-à-clef, ganhei coisas boas com cada correria dessas. Deram em crônicas, contos, amizades.

Joguei. Parei. Achei bom voltar agora, já que voltei também a vida real e nem tudo que faço cabe nela.

Coloquei aqui essa ficha corrida pra deixar que o contraste falasse. Pois venho conversando com muita gente interessante desde que eu voltei a ver pessoas fora do computador, da webcam, do email, do chat. Passei um tempão só trabalhando em casa. Raramente saía. Tipo de coisa que bem não faz. Você aí deve concordar.

O contraste taí: se fechar numa tela vs. descobrir lugares e pessoas..,

Aí vi coisas que até eu mesma duvidei que tivesse visto. Sorte é que tenho testemunha. Amigo é pressas coisas:

“Broder, que merda é essa? Aconteceu aquilo ou tô pirando?”. “Não, querida, tá louca, não.
Rolou essa parada aí mesmo. Mas tamojunto, segura em mim.”

E aí a gente abriu os olhos um do outro.


A gente precisa do outro. Todo mundo precisa do espelho que outro oferece. Não qualquer outro, não qualquer espelho. E com certeza não de um jeito cafajeste-sanguessuga. Precisa do outro pra se ver. Isso é uma noção bem básica, qualquer boçal pode, com alguma autoridade, chamar a isso de pseudo-filosofia. Deve ser, pode ser. Mas é tão básico que a gente nem sempre lembra disso.

Use este post(-it) grudado na testa pra se lembrar.

Observo: Se escrevi tanta “merda” neste post foi em homenagem aos amigos lá do teatro:#merda pra mim é sorte.

#EscreveEscreve
Vazou na internet essa semana o documentário "Cobain: Montage Of Heck", sobre a vida e obra do Kurt Cobain, líder da banda Nirvana.


Com produção executiva assinada por Frances Bean Cobain, filha de Kurt Cobain e Courtney Love (vocalista da banda Hole, com quem Kurt foi casado), e direção por Brett Morgen (também diretor de Crossfire Hurricane, sobre os Rolling Stones/2012, e vários outros do gênero).

Cobain: Montage Of Heck nos permite conhecer a vida e trajetória artística de Kurt Cobain sobre seu próprio olhar. Grande feito que o diretor conseguiu tendo acesso ao acervo pessoal e artístico de Kurt Cobain, que ficou em poder de sua família desde 5 de abril de 1994, quando Kurt suicidou-se com um tiro na cabeça.

Durante oito anos o diretor Brett Morgen compilou materiais como: vídeos de Kurt criança tocando guitarras de brinquedo, poemas, diários, vídeos caseiros durante seu casamento e paternidade de Frances, ensaios e gravações de músicas inéditas, fotos, pinturas, desenhos e animações não acabadas do próprio Kurt.



Reunindo essa compilação com depoimentos de amigos e familiares próximos de Kurt, o diretor nos permite acompanha-lo em um mergulho profundo na mente criativa e perturbada do vocalista, guitarrista e compositor da banda Nirvana, que marcou a geração dos anos 90 se tornando um dos mais importantes ícones do rock.

Dave Grohl, ex bateria na banda Nirvana (atual líder da banda Foo Figthers), quase não aparece no documentário, e não tem depoimento póstumo dele, o que gerou curiosidade. A explicação é bastante tosca: não deu tempo de tomar seu depoimento antes de fechar o documentário. Em uma produção que levou oito anos pra ser finalizada? Estranho.

O diretor do filme revelou que está para ser lançado um álbum novo do Nirvana, com canções inéditas, que aliás é outro grande atrativo deste documentário. Imperdível a oportunidade de ver Kurt Cobain tocando e cantando Beatles, entre outras cenas maravilhosas.

Link para ver o filme completo e legendado em português clicando no cartaz acima (não me venha com carinha feia que seria bem ridículo ver o Kurt Cobain dublado né? Por favor façam este esforço e sintam-se gratos).



O Beco do Rock que funciona desde 2015, é um local totalmente fiel ao rock e passou a atrair grande número de frequentadores. O ambiente tem decoração estilo "garage rock", termo que originou o punk rock, mas que também é designado para os locais onde as bandas que não tinham grana para pagar estúdios ensaiavam.Chegar no Beco é vivenciar o rock em seu estado mais original.

Somando a isso aos vários rockplayers que aceleram o ambiente com muito som, o local é despretensiosamente perfeito!  Quem quiser conhecer o espaço pode pegar o teleport direto, ou conferir antes a programação no grupo público no Facebook.

  
Na sexta-feira dia 5/12 amantes de motos e rock fizeram uma despedida em grande estilo da ilha Crossbones, que por muitos anos foi a casa do H.S.C.C e do moto clube Banidos. O evento foi clássico, com DJ's parceiros e amigos tocando juntos e compartilhando seus últimos momentos em um local marcante para todos. 

Estiveram no evento  membros de diversos moto clubes, e também o público habitual que sempre marcou presença nos eventos em Crossbones, que foram muitos e sempre garantindo a diversão dos alternativos no Second Life.

 Que volte logo as suas funções no mundo a loja H.S.C.C, que por hora manterá suas atividades de vendas de motos somente pelo marketplace, mas mas em breve estará de volta em uma ilha nova, mesmo que seja somente para o test drive das motos, a marca tem que voltar. 

Quanto ao querido moto clube do qual faço parte com orgulho e total lealdade, já estão de casa nova os Banidos MC Brasil 1% foda-se o sistema. Aguardem em breve o chamado do presidente Giu Zeplin para a inauguração oficial da nova sede. Abaixo alguns clique que fiz na festa.

Sinto e transmito: Isso não é um adeus e sim um até logo!
































Em um mundo virtual como o Second Life, onde o principal objetivo é criar seu avatar e uma história para o mesmo, a busca por novidades que ajudem a compor estilo e personalidade é ávida. Bem como a demanda, a oferta é grande, e muitos designers encontram espaço para mostrar suas criações em eventos de consumo e diversão, é possível perceber o crescimento ascendente de feiras dedicadas à moda, decoração e arte no Second Life.

Unindo novos estilistas e marcas consagradas, este formato de evento ganha mais espaço a cada dia, feiras lotam com pessoas que procuram peças exclusivas e diferentes. Em sua maioria feiras são temáticas, e a ambientação reforça o tema. Em feiras significativas, designers com produtos voltados para o tema escolhido, são convidados para expor seus produtos diretamente para seu público alvo, ou exploram a presença deste público criando itens exclusivos no tema.
Em meio a efervescência de novos eventos, alguns ganham mais destaque que outros pela forma como se divulgam, e pela originalidade do tema escolhido. Neste segmento um evento em especial tem chamado atenção da comunidade virtual: FAMOUSTATION.

A divulgação do evento tem um visual esteticamente atraente e, bastante desejável, aguçando curiosidade por meio de evocativas estratégicas e inteligentes, a  publicidade deste evento tem se mostrado competente.


Explorando o conceito de estações de trem, que como observou bem a equipe , é dotado de riqueza arquitetônica. O evento pretende imergir o público em  viagens pelo mundo, e a primeira parada será Londres, hoje, sexta dia 24 de abril (7 pm/23hs).

A linguagem minimalista adotada para divulgação do evento é indiscutivelmente funcional, a palavra vontade define o impacto que as imagens publicadas pelo FamouStation geram, mas com tanto conteúdo visual o Megazine SL enxergou uma lacuna, e partindo da premissa “informação nunca é demais”, busquei por seus idealizadores para saber mais sobre este novo e curioso evento.

Abaixo segue serviço completo do evento e um bate papo com Teka Haas, integrante da equipe FamouStation e responsável por toda identidade visual e conceito da feira, também porta voz oficial da equipe.

SERVIÇO:
TIPO DE EVENTO: Fashion, Poses, Furniture
DATA: De 24 de Abril, a 17 de Maio
HORA: 7 pm (SLT)
DURAÇÃO: 24 dias
LOCAL: http://maps.secondlife.com/secondlife/Famous/30/181/3567
SITE E REDES:

























BATE PAPO COM TEKA HAS:

1 - De quem foi a iniciativa de começar este evento?

A iniciativa nasceu da vontade em comum entre a equipe em criar algo de qualidade e a longo prazo no Second Life, em que todos pudessem crescer e desempenhando suas funções da melhor forma possível.

2 – A ilha Famous é conhecida por dispor ótimas ilhas e streams para locação, não tenho dúvidas de que foi uma boa escolha para sediar o evento, mas qual a extensão dessa participação?

A ilha Famous responsável por tornar realidade a nossa ilha, como sou a parte da equipe responsável pela identidade visual do evento, passei para eles a referência que eu tinha em mente e conseguiram criar exatamente o que estava em minha cabeça.

3 - Qual é o foco do evento FamouStation?

O foco do evento FamouStation é trazer para o Second Life uma opção diferente em termo de moda de qualidade e objetos premium. Em nosso evento as pessoas sempre encontrarão mais do que estão esperando. Nosso desejo é surpreender. Sempre.

4 - Explica um pouco melhor sobre o conceito da estação de trem, e a escolha de Londres como a primeira viagem?

Quando pensamos em criar algo diferente e o nome FamouStation surgiu (Famous porque já era o nome da land, e Station porque pensamos em algo próximo a rounds), veio muito forte em minha cabeça as estações de trem. Dotadas de uma arquitetura rica e que nos remete à uma viagem ao redor do mundo, conseguindo capturar o melhor de cada lugar. Traduzindo bem o conceito de que a moda é algo que está sempre em movimento.

Londres foi escolhida principalmente por ser um grande pólo e referência quando falamos em moda e em tudo o que é belo.

5 - Qual critério utilizaram para escolher seu time de blogueiros? Qual a importância dos bloggers na visão da equipe Famoustaton?

Na equipe temos um responsável pelo nosso time de blogueiros, ele  controlou rigorosamente quem ia chamar, o resultado de seu trabalho criterioso foi maravilhoso e essencial.

Para nós, o trabalho de um blogueiro é de vital importância. Por isso mesmo, fomos na contramão da maioria dos eventos. Fomos atrás primeiro de montar um time excelente de bloggers antes de procurar os designers.

Trabalhamos em cima da comunicação integrada, nossos stakeholders também estão absolutamente integrados. Na procura por designers, buscamos os que possuíam itens que iriam “conversar” com os nossos blogueiros, para que exista um carinho na postagem de cada um. Tudo em nosso evento tem uma razão de existir. E os nossos bloggers, são os nossos queridinhos. Neles depositamos muita confiança na divulgação, e no desenvolvimento de todo potencial do evento FamouStation.

 6 - E quanto ao público alvo? Define por favor qual a expectativa da equipe FamouStation quanto ao seu público alvo.

Não temos pretensão de definir quem seria o nosso alvo. Nisso vou completamente ao contrário das predefinições de marketing usuais. No meu trabalho real e aqui também, eu não segmento pessoas por idade, classes ou coisas assim. Cada indivíduo é único em sua essência e eu levo muito disso em meus pensamentos.

Quem sou eu para dizer que fulano é o alvo, mas aquele ali não é interessante para nós? Todos são. Todos que querem adquirir os itens do evento são bem vindos. E sabe quem também são muito bem vindos? Os que querem vir conhecer a nossa ilha, passar um dia agradável e tirar fotos em nosso ambiente. Estamos ansiosos para receber todas essas pessoas.

7 - Algumas pessoas tem o talento da “queimar na largada”, eu posso imaginar que muitos expositores devem ter mau comportamento e por isso não são convidados para expor novamente, digam o que não pode mesmo fazer em um evento da FamouStation?

O que eu posso dizer por enquanto é que podemos nos considerar extremamente sortudos. Todos os designers e bloggers que estão conoscos são pessoas do bem e que estão realmente dispostas a embarcar conosco. Muitos me adicionaram e eu mantenho contato diário.

Quero que sejamos capazes de estabelecer um bom canal de comunicação, então se por acaso algo acontecer, como não terminar o stand no prazo estipulado, ou algum blogueiro não postar itens durante um tempo, eu quero ter a possibilidade de chamá-los e conversar, entender o que aconteceu e me oferecer para ajudá-los no que eu puder.

8 - Farei uma pergunta certamente recorrente e delicada para vocês responderem: estrangeiros tem ou não pré-conceito com brasileiros no SL no ramo em que vocês atuam dentro do metaverso? Observo que estou curiosa pela resposta de vocês, pois diversas vezes questionei a realidade dessa afirmação de que “brasileiros são mau vistos” no SL, desconfio de que essa seja somente a opinião de uma maioria equivocada que desconhece a existência de muitos criadores no SL terem excelente reconhecimento por toda comunidade.

As fronteiras já caíram mas muitas pessoas insistem em mantê-las. Acho que isso é mais um auto-preconceito. Nenhum lugar do mundo irá te bater a porta se você desempenhar bem o que faz. E você não precisa ser excelente. Você só precisa ser verdadeiro no que faz.

 9 - Como é feita a curadoria das marcas?

Esse foi um processo bem trabalhoso. Talvez o maior de todos. Nós discutimos muito sobre quais lojas iríamos procurar, porém eu acabei ficando responsável por isso. Mais do que ótimas marcas, procurei pessoas que são realmente apaixonadas pelo que fazem, que gostam de criar e estão sempre buscando melhorar.

Eu gostaria de chamar todos que nos procuraram, porém, o evento que era para acontecer com 30 lojas, já está com 42 e ainda estamos com lista de espera, acredita? Em dois dias conseguimos reservar todos os stands e decidimos ampliar a estrutura, mas agora chegamos ao limite e infelizmente temos que deixar alguns em espera.

10 - Os expositores interagem entre si duranta o período de montagem dos stands? Conta como é o backstage do evento antes de acontecer.

Olha, o backstage é uma bagunça (confessa rindo).

Neste processo de deixar tudo em ordem para o grande dia, a interação acontece, porém somos todos muito ocupados e fica difícil estarmos em contato o tempo todo. O que acontece é que um fica de olho no outro né? Quando um monta o stand, o outro vai ver e isso é muito bacana.

Existem muitos designers amigos que estão participando e isso é muito legal também, eles escolheram ficar com stand lado a lado, achei super fofo (rindo).

*11 – Acreditam que marcas que começam pequenas em eventos e alcançam projeção mudam de comportamento ou em geral acham que mantém a humildade depois do “sucesso” junto aos eventos?

Na equipe FamouStation não achamos que isso seja comum de acontecer. Vemos isso como fatos isolados e que só acontecem porque algumas pessoas já tinham tais pensamentos adormecidos.

Quando entrei em contato com grandes lojas, os designers foram extremamente carinhosos e simpáticos comigo. Sendo que algumas lojas pequenas, sequer me responderam.

Cada um é cada um, não é mesmo? O que queremos é que o nosso evento seja o responsável pelo sucesso de todos os envolvidos: que os pequenos consigam crescer conosco, e que os grandes se tornem ainda maiores (isso do grande ficar maior, ficou meio pornô né? Rindo).

*Teka entendi sobre a resposta da questão anterior, acredita que este comportamente parte mais de uma certa pré-disposição pessoal e acontece de forma dissociada. Quanto ao maior e maior pornô vou deixar, ficou engraçado (sem acordo para edições, rindo muito!).

12 - Por que estão fazendo um evento?

Sinceramente? Porque sabemos que somos capazes de fazê-lo. Seria horrível começar algo que não fossemos levar adiante. E nos sentindo capazes, e cada vez mais motivados, nos apaixonamos todos os dias um pouco mais pelo que estamos fazendo.

Teka agradeço a oportunidade de poder transmitir para os envolvidos e interessados no evento FamouStation um pouco mais de informação, e também pela confiança da equipe em me permitir faze-lo. Boa sorte hoje na inauguração e estarei por lá representando o Megazine SL.

Obrigada Calina, em meu nome e de toda equipe FamouStation.

Neste sábado dia 06 de setembro 22hs vai rolar um churrasco do BANIDOS MC 1%, e sim vai ter rock, carne e cerveja até o cooler fazer bico!

Vamos nos reunir e confraternizar juntos curtindo um bom som com os rockplayers Joevamp e Calina Andel no moto clube mais firmeza do SL Brasil!

A ilha HSCC onde situa-se a sede dos Banidos, tem um grande espaço aberto para dar um rolezinho de moto e curtir com os amigos, teremos também jogos e claro carne e cervejinha gelada.

Todos estão convidados para esteve evento, venham com seus amigos e companheiros de mc, família BANIDOS VOCÊS ESTÃO INTIMADOS!

Teleporte para o local clicando na imagem

Cliquem nos links e vejam flyer e fotos da 1° edição do Churrasco Banidos MC:

Chamada >> http://megazinesl.blogspot.com.br/2014/03/churrascao-de-domingao-banidos-mc.html

Fotos >> http://megazinesl.blogspot.com.br/2014/04/churrasco-banidos-mc-1-fotos.html